Projeto de Vida

O projeto de vida deve ser encarado como um caminho ao longo dos anos escolares dos estudantes.

O projeto de vida na escola é uma das competências da Base Nacional Comum Curricular, a BNCC. Compreender e saber como aplicá-la dentro do contexto escolar é um dos desafios de muitas instituições de ensino.

Afinal, o que é projeto de vida nos anos escolares? 

Criar caminhos sobre a subjetividade dos estudantes é umas das competências do novo currículo escolar. Duas perguntas devem nortear esses caminhos: "Quem sou?" e "Quem eu quero ser?". A partir daí, executar o planejamento do projeto de vida envolve criar condições para o autoconhecimento e os planos para o futuro.

Mas quando o tema projeto de vida deve começar na escola? Indica-se que seja na primeira fase do Ensino Fundamental, quando os aspectos da socialização e das experiências subjetivas são compreendidas no entendimento da vida dos jovens.

Após essas compreensões, os anos finais do Ensino Fundamental são dedicados a focar nos sentimentos e atitudes dos jovens e conduzir para o entendimento dos seus papeis sociais.

Já no Ensino Médio, esse projeto reforça os valores e o papel social de ser jovem na sociedade; além, é claro, de conduzir para as escolhas da vida profissional.

Outro ponto importante são as dimensões que devem ser abordadas dentro desse projeto: Pessoal, Social e Profissional. 

O projeto de vida deve ser encarado como um caminho ao longo dos anos escolares dos estudantes. Em cada etapa, as habilidades e compreensões são reforçadas e, portanto, a escola se torna a engrenagem para levar esses alunos ao patamar de maior compreensão de si e da sociedade. 

O projeto de vida deve ser encarado como um caminho ao longo dos anos escolares dos estudantes.

Carla Lamara

Socióloga com mestrado sobre metodologias de ensino. No Blog Inforgeneses, escreve sobre novas possibilidades de ensinar e aprender.

Comentários

Send a Message

Sed diam nonummy nibh euismod tincidunt ut laoreet dolore magnais.