pedagoga Joelma Norberto

Entrevista com a pedagoga Joelma Norberto

Na semana da pedagogia, pensar sobre os desafios que essa profissão encara durante a pandemia é uma maneira de compartilhar experiências e fortalecer ainda mais a educação no país. 

A organização do ensino depende de um acompanhamento pedagógico para que a rotina da escola funcione na sua totalidade. As pedagogas e os pedagogos acompanham cada professor, auxiliando na didática e fazendo elo com os alunos. Atuando na orientação, coordenação e formação, a pedagogia é uma das mais desafiadoras profissões durante a pandemia, do novo coronavírus (Covid-19), uma vez que que o ensino se tornou remoto e não há uma previsão, ao menos por enquanto, de retorno aos espaços físicos das escolas.

Joelma Norberto, pedagoga há mais de oito anos, atualmente atua como professora de ensino infantil na Escola Frater, em Teresina (PI), fala um pouco dos desafios da pedagogia em tempos de isolamento social e elenca que um deles é “dar continuidade aos estudos sem prejudicar os alunos e manter um vínculo com as crianças”. É dentro desse contexto que ela também pensa sobre o uso das tecnologias, uma vez que tudo isso surgiu de uma hora para outra e tornou-se “um mundo novo para toda a equipe, sendo que boa parte sente dificuldade”.

Mas é diante dessas dificuldades que a pedagogia está encontrando caminhos para se reinventar, aponta Joelma, que, juntamente com sua equipe estão realizando aulas remotas, gravando vídeos, aulas online com foco na interação entre alunos e professores. Outra procedimento que ela indica é realizar um revezamento da presença das pedagogas nas reuniões dos pais, o que fortalece o vínculo de toda a equipe com as famílias. 

Uma iniciativa muito importante destacada por Joelma é a proposição de atividades lúdicas, com brincadeiras que façam as crianças se movimentarem. No momento em que as crianças não podem interagir com outras e nem sair de casa, é fundamental a escola se preocupar com atividades que envolvam o brincar. Diante de um cenário em que pais também precisam trabalhar remotamente, o tempo é escasso, o que reforça a necessidade do auxílio contínuo da escola. 

É por essa razão que Joelma enfatiza a importância de se conscientizar os pais sobre importância de participar das atividades. Segundo ela, “as pedagogas devem usar de todos os recursos de mídia disponíveis, como por exemplo, compartilhar telas, jogos online relacionados ao conteúdo e músicas. Enfim, é hora de se reinventar, inovar e aproveitar tudo para contribuir com o ensino neste momento". Além disso, ela diz que é importante dar voz aos alunos e criar espaços para eles falarem.

Joelma deixa uma mensagem aos colegas de profissão nesta semana em homenagem a pedagogia: “estamos passando por um momento difícil e desafiador para todos, mas jamais esqueçam da nossa missão e de todo o nosso valor na sociedade, que muitas vezes não é reconhecido. Seguiremos firmes e em frente e com a certeza de que, quando tudo isso passar, teremos uma nova forma de ensinar, mas com a mesma dedicação, compromisso e amor de sempre". 

Em cenários de crise, compartilhar as experiências que possam ajudar a encará-los é a melhor maneira de homenagear aqueles que se dedicam diariamente para a educação de crianças e adolescentes no nosso País.

Entrevista com a pedagoga Joelma Norberto

Comentários

Send a Message

Sed diam nonummy nibh euismod tincidunt ut laoreet dolore magnais.