linkedIl

Você sabia que das 15 profissões mais promissoras para 2020, três são da área de TI?

Os dados foram divulgados pelo LinkedIn no início de janeiro – pesquisa desenvolvida pela própria rede social queridinha dos recrutadores. Pois é, se você é da área de TI, não dá mais para perder tempo e deixar de ter um perfil bem legal no LinkedIn.
Listamos, então, seis pontos que você deve observar em seu perfil para fazer conexões cada vez mais valiosas 😉

1 - Foto do perfil
Para início de papo, é fundamental que o perfil tenha foto e que ela esteja em boa qualidade. Portanto, nada de subir arquivos em baixa resolução; além de ser esteticamente desagradável, isso já pode contar uma primeira impressão negativa, ainda mais por se tratar de um profissional da área de TI. Ah, perfis sem foto são automaticamente derrubados pelos mecanismos de busca.
A foto não precisa ser muito formal com terno, gravata e coisa do tipo. Empresas de TI são mais abertas nesse ponto. Mas é importante que a foto esteja condizente com sua identidade profissional. No mais, é ter cuidado para não errar a mão no excesso de informalidade.

2 - Título do perfil
Tenha isso em mente: o título do perfil é fundamental para otimizar os motores de busca da plataforma. O desafio, portanto, é descrever em 120 caracteres o que você é profissionalmente, quais as suas especialidades e como você pode contribuir para a criação de soluções na área. 
Faça um primeiro título, leia para algum amigo para checar a clareza da mensagem, refaça, releia, retire palavras desnecessárias; ou seja, lapide seu texto 

3 - Um bom resumo
Outro item fundamental para a gerar excelentes conexões é o campo do resumo. Apresente um texto claro e objetivo apresentando o que você faz, suas habilidades e diferenciais e seus objetivos profissionais. Lembre-se de usar todos os caracteres disponíveis e fazer uma revisão gramatical do texto.
Ah, e se você sonha em ter uma oportunidade fora do país, não esqueça de deixar uma versão do resumo também em inglês –idioma oficial dos profissionais da área. Também vale a regra de fazer uma boa revisão gramatical do inglês. 

4 - Siga os bons e influencie
Como toda rede social, o LinkedIn funciona de conexões. Não seria nada eficiente está na rede e não participar da sua dinâmica. Portanto, é preciso seguir bons perfis, fazer novas conexões e influenciar outros perfis. Para isso, você tem que produzir conteúdo, principalmente relacionado à sua área de atuação. 

5 - Customize sua URL
Lembre-se de aproveitar positivamente essa permissão do LinkedIn: customização de URL. Isso irá melhorar o desempenho do seu perfil nos motores de busca, além de facilitar a inserção desse link personalizado no seu CV.

6 - Adicione projetos e certificados
Apresente um bom portfólio. Muitas atividades de TI estão relacionadas ao desenvolvimento de plataformas; portanto, é fundamental listar o que você já desenvolveu para que os recrutadores conheçam melhor sua capacidade e seu potencial.
A gente sabe a formação de um bom profissional de TI vem por meio das certificações. Apresente, então, os certificados que você possui, principalmente se estiverem em PDF.

Por fim, é preciso sempre estar antenado aos debates e discussões sobre questões da sua área e nas inovações do próprio LinkedIn. Manter um conta ativa e que gere boas conexões requer dedicação, atenção e boas ideais para sempre deixar seu perfil turbinado aos olhos dos recrutadores de plantão. 

 

Você sabia que das 15 profissões mais promissoras para 2020, três são da área de TI?

Comentários

Send a Message

Sed diam nonummy nibh euismod tincidunt ut laoreet dolore magnais.